Papel que gera energia solar pode ser revolucionário - Smart City Laguna
Related content
10/11/2017 Papel que gera energia solar pode ser revolucionário

papel bateria

Imagine decorar a casa com um papel de parede que não só deixa seu lar mais bonito como ainda gera energia. Futuramente, talvez isso seja possível graças aos pesquisadores da Universidade Imperial College, localizada em Londres, na Inglaterra. A tecnologia é feita usando cianobactérias, que é um grupo de bactérias que obtêm energia por fotossíntese.

As cianobactérias são microorganismos fotossintéticos que estão na Terra há bilhões de anos. E uma equipe de estudiosos mostrou que elas podem ser usadas como tinta e impressas a partir de uma impressora a jato de tinta em nanotubos de carbono eletricamente condutores, que também foram impressos a jato de tinta no pedaço de papel. A equipe mostrou que as cianobactérias sobreviveram ao processo de impressão e foram capazes de realizar a fotossíntese para que poucas quantidades de energia elétrica pudessem ser colhidas durante um período de 100 horas.

Os pesquisadores afirmam que um painel bio-solar feito desta forma, de tamanho aproximado a um iPad, poderia alimentar um relógio digital simples e até uma pequena lâmpada LED. Uma grande vantagem do produto é que por ser feito com materiais naturais, da natureza, ele pode ser biodegradado -, o que reduziria o problema atual de descarte de lixo eletrônico.

Os pesquisadores do Imperial College de Londres, da Universidade de Cambridge e da Central Saint Martins sugerem que seu avanço poderia levar a novos tipos de dispositivos elétricos feitos de papel e de bactérias fotossintéticas impressas. Eles sugerem criar materiais que se parecem com papel de parede, quando na verdade são sensores ambientais para monitorar a qualidade do ar em uma casa, por exemplo.

Fonte: Ciclo Vivo.