Lâmpadas de LED e a sustentabilidade - Smart City Laguna
Related content
29/11/2018 Lâmpadas de LED e a sustentabilidade

 

Por ser uma forma de iluminação muito menos agressiva ao meio ambiente, a lâmpada de LED é considerada a tendência para o futuro, em especial pela economia e durabilidade. A maior preocupação atualmente é com o meio ambiente, por isso, trocar as lâmpadas convencionais pelas de LED é uma forma de contribuir com a sustentabilidade, pois são ecologicamente corretas, além de apresentarem outras vantagens, como economia, durabilidade, redução na emissão de radiação e uso de materiais de fácil descarte.

Ciente de que o uso sustentável da luz é a melhor forma de preservar o meio ambiente e o bolso dos consumidores, a troca das lâmpadas da casa por LED é a melhor opção. Veja como e porque ser sustentável em casa com as lâmpadas LED pode ser a melhor solução também para a decoração casa.

Mais durabilidade e economia com sustentabilidade

Um dos pontos interessantes das lâmpadas LED é que nelas a energia consumida é transformada em iluminação, não em calor. Portanto não há desperdício de energia. Para se ter uma ideia, uma lâmpada incandescente de 60 W corresponde a uma LED de apenas 4,5 W, ou seja, uma economia de 55,5 W/hora.

As lâmpadas LED têm ainda uma outra vantagem, desconhecida da maioria das pessoas: não oferece riscos à saúde. Como ela não emite radiação IV/UV, não há danos à pele, às plantas, aos animais, nem objetos ou produtos que fiquem expostos. E como não existem metais pesados em sua composição, não há necessidade de descarte especial, não oferecendo risco ao meio ambiente.

Por outro lado, uma empresa canadense utiliza as lampâdas LED na irrigação noturna de suas plantações. A SprayTest Controls descobriu que além de iluminarem muito mais do que as outras – com apena duas delas é possível abranger mais de 45 metros de área plantada – e não esquentam, já que o calor é dissipado através de uma saída na base do bulbo.